Deixe um comentário

Monitorando: do ex para os ouvidos da presidente

 Num encontro recente com Dilma Rousseff, a sós, Lula deu-lhe dois conselhos. Primeiro, que ela seja menos ministra da Fazenda e mais presidente – ou seja, que faça também política.

Na outra sugestão que deu, Lula botou o chapéu de economista: disse que era preferível juros ligeiramente mais altos, mas com inflação mais baixa, do que a insistência na taxa de 7,25%.

Enquanto isso, Aécio Neves só deve assumir a presidência do PSDB em maio, mas já começou a dar seus pitacos no partido. Notas oficiais consideradas mais delicadas, por exemplo, precisam passar pelo crivo do futuro presidente tucano antes de serem divulgadas.

A propósito, Eduardo Campos e Aécio Neves têm conversa marcada em Brasília nos próximos dias. (Lauro Jardim – Veja)

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: