Arte

MÚSICA – RAIMUNDO FAGNER – E NÃO VOU DEIXAR VOCÊ TÃO SÓ

MÚSICA – RAIMUNDO FAGNER – E NÃO VOU DEIXAR VOCÊ TÃO SÓ

MÚSICA RAIMUNDO FAGNER – E NÃO VOU DEIXAR VOCÊ TÃO SÓ

Poesia | Manuel Bandeira – Louvação a cidade do Rio de Janeiro

Poesia | Manuel Bandeira – Louvação a cidade do Rio de Janeiro

Louvo o Padre, louvo o Filho E louvo o Espírito Santo. Louvado Deus, louvo o santo De quem este Rio é filho. Louvo o santo padroeiro – Bravo São Sebastião – Que num dia de janeiro Lhe deu santa defensão. Louvo a Cidade nascida No morro Cara de Cão. Logo depois transferida Para o Castelo, […]

Uma inesquecível homenagem ao Planeta Água, na criatividade de Guilherme Arantes

Uma inesquecível homenagem ao Planeta Água, na criatividade de Guilherme Arantes

Arantes fez uma canção que ninguém esquece O cantor e compositor paulista Guilherme Arantes, na letra de “Planeta Água”, aborda que a água é um elemento vital para a vida de todas as espécies terrestres. É importante esclarecer sobre a disponibilidade de água doce no planeta, realizando a conscientização sobre a necessidade de preservar esse recurso […]

Museu de Ilusões aposta nas fotos 3D para redes sociais

Museu de Ilusões aposta nas fotos 3D para redes sociais

Nova atração vem somar-se a recentes pontos turísticos do Rio de Janeiro Cenários presentes no Museu de Ilusões / Foto: Divulgação Cenários presentes no Museu de Ilusões / Foto: Divulgação Cenários presentes no Museu de Ilusões / Foto: Divulgação Cenários presentes no Museu de Ilusões / Foto: Divulgação Cenários presentes no Museu de Ilusões / Foto: Divulgação Cenários presentes no […]

Morre Luiz Vieira, autor da música ‘Paz do meu Amor’, aos 91

Morre Luiz Vieira, autor da música ‘Paz do meu Amor’, aos 91

Cantor estava internado no Rio de Janeiro após ter passado mal em casa. Ele foi responsável por sucessos como Menino Passarinho Luiz Gonzaga,Rita Lee, Nara Leão e Caetano Veloso  já gravaram músicas do artista, destaque na década de 1950 Luiz Vieira, compositor, radialista e cantor, morreu nesta quinta (16/01/2020), aos 91 anos, no Rio de Janeiro. Pernambucano radicado […]

Resultado do Concurso Literário da Academia Pernambucana de Letras

Resultado do Concurso Literário da Academia Pernambucana de Letras

Nesta quarta-feira (15), a Academia Pernambucana de Letras divulga o resultado do seu concurso literário. Os trabalhos que concorreram foram inéditos e divididos nas seguintes categorias: Prêmio Antônio de Brito Alves (Ensaio), Prêmio Edmir Domingues (Poesia), Prêmio Vânia Souto Carvalho (Ficção) e Prêmio Elita Ferreira (Literatura Infantojuvenil). O Prêmio Leonor Carolina Corrêa de Oliveira (Municípios […]

Alan Moore: “Muita gente tentou se aproveitar do meu talento”

Alan Moore: “Muita gente tentou se aproveitar do meu talento”

O escritor britânico, autor de títulos como ‘V de Vingança’ e ‘Watchmen’, reflete sobre sua obra: “Estou cansado da indústria dos quadrinhos. Já tomaram muito do meu tempo” O escritor britânico Alan Moore. Por TOMMASO KOCH No escritório do diretor, um detetive o aguardava. A coisa não parecia nada boa para Alan Moore. Era 1969, […]

Manifesto antropofágico de Oswald de Andrade

Manifesto antropofágico de Oswald de Andrade

MANIFESTO ANTROPOFÁGICO – O Manifesto Antropófago ou antropofágico foi publicado no primeiro exemplar da Revista de Antropofagia, em 1928. O Manifesto seguiu-se ao Manifesto do Pau-Brasil, de 1924. No manifesto de 1924, Oswald já enfatizava a necessidade de criar uma arte baseada nas características do povo brasileiro, com absorção crítica do que vinha sendo produzido […]

Um encontro inusitado entre os pernambucanos Chacrinha e João Cabral de Melo Neto

Um encontro inusitado entre os pernambucanos Chacrinha e João Cabral de Melo Neto

O colunista da Folha de São Paulo Ruy Castro destacou um encontro inusitado entre os pernambucanos Chacrinha e João Cabral de Melo Neto. Ele conta que em meados dos anos 60, o poeta João Cabral de Mello Neto jantava na cantina Fiorentina, no Leme, com seus colegas Fernando Pessoa Ferreira e Felix de Athayde. Em […]

“O samba da minha terra deixa a gente mole, quando se canta todo mundo bole…”

“O samba da minha terra deixa a gente mole, quando se canta todo mundo bole…”

Dorival Caymmi cantava seu amor às coisas da Bahia O violonista, cantor, pintor e compositor baiano Dorival Caymmi (1914-2008), construiu sua obra inspirado pelos hábitos, costumes e tradições do povo baiano. Teve como forte influência a música negra, desenvolveu um estilo pessoal de compor e cantar, demonstrando espontaneidade nos versos, sensualidade e riqueza melódica. Estas […]