Deixe um comentário

80 anos do nascimento da diva do jazz Nina Simone

Nina Simone, considerada uma das grandes divas do jazz, completaria 80 anos nesta quinta-feira. Ela nasceu Eunice Kathleen Waymon, no dia 21 de fevereiro de 1933, na pequena cidade de Tryon, no Norte da Califórnia, nos Estados Unidos. Este ano também marca uma década que a cantora e pianista nos deixou. Nina faleceu no dia 21 de abril de 2003, no sul da França.

A voz de Nina continua nos corações e mentes de muita gente. E seus vídeos volta e meia pipocam nas redes sociais pela força de sua imagem, em geral ao piano.

Aos três anos de idade, Nina teria começado a tocar piano de ouvido, habilidade que foi desenvolvida mais tarde. Filha de pastores metodistas, a jovem teria passado a tocar na igreja de sua mãe.

Bach, Chopin, Brahms, Beethoven e Schubert eram as preferências da moça, que começou na música focada no repertório clássico. Seu sonho, inicialmente, era ser uma pianista de concerto. No entanto, ela não foi admitida no conceituado Instituto de Música Curtis, na Filadélfia. Nina teria se sentido rejeitada pela escola devido a sua cor de pele.

A diva do jazz era mais conhecida por suas interpretações e seus arranjos, mas há duas ótimas músicas de sua própria autoria que o blog homenageará.

Confira esta belíssima apresentação de “Revolution”, do álbum “To love somebody” (1969). A canção soa bastante como uma resposta crítica à música de mesmo nome dos Beatles, lançada em 1968. A primeira versão dessa composição de Lennon-McCartney foi interpretada como reacionária na época.

Outro importante trabalho de Nina Simone foi “Mississippi goddam”, que se tornou um hino do ativismo contra o racismo. A letra é um protesto contra o assassinato de quatro crianças negras na cidade de Birmingham, no estado americano de Alabama.

Uma curiosidade e preciosidade para os fãs brasileiros é a parceria de Nina Simone com Maria Bethânia na música “Pronta pra cantar”, de Caetano Veloso.

Atualmente, a cineasta Cynthia Mort está dirigindo um filme sobre a vida de Nina Simone, que está sendo vivida pela atriz Zoe Saldana. O longa não foi autorizado pela família de Nina e vem enfrentando críticas pela escolha de Zoe, pois ela não seria tão negra para o papel. Para a cantora India.Arie, sua cor de pele e os traços de seu rosto nada tem a ver com os da verdadeira Nina Simone.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: