Deixe um comentário

TERRORISMO ELEITORL CONTRA AÉCIO

ACENDE LUZ AMARELA NO PLANALTO

Em Minas, agências da Caixa aparecem com cartazes contra Aécio Neves e bolsa família

uma

O bolsa família continua brilhando na campanha.

Em Minas Gerais, há fotos de cartazes que foram espalhados em agências da Caixa Econômica Federal, no mesmo momento que o tucano é acusado de querer acabar com os bancos públicos.

Em maio de 2013, após uma onda de boatos sobre o fim do programa ter causado tumultos para retirada do benefício, a então ministra afirmou em seu Twitter que “os boatos devem ser da central de notícias da oposição”. Posteriormente, foi comprovado que o tumulto ocorreu devido a uma mudança no calendário de pagamentos promovido pela Caixa Econômica Federal.

Neste sábado, em nota oficial, os tucanos denunciaram o que seria mais uma prova do terrorismo eleitoral feito pelo PT, desta vez contra os beneficiários do programa Bolsa Família. Uma gravação telefônica mostra uma eleitora gaúcha em contato com o comitê da candidata a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS).

A eleitora afirma a uma funcionária do comitê que sua cunhada recebeu ligação da equipe de Maria do Rosário, dizendo que o Bolsa Família seria suspenso caso Aécio Neves e o candidato ao governo gaúcho Ivo Sartori fossem eleitos.

A eleitora gaúcha busca confirmar se a informação procede. A funcionária do comitê de Maria do Rosário garante que sim.

“Se a gente perder o governo, nada disso vai [SE]manter”, diz a funcionária. Ela ainda afirma que há uma equipe no comitê responsável por informar eleitores sobre a questão. A gravação foi divulgada pelo programa Vide Versus, na Rádio Vox, e reproduzida no blog de Ricardo Setti. A gravação foi digitalizada. Veja baixo.

Maria do Rosário foi reeleita deputada federal este ano. No governo da presidente Dilma Rousseff, ocupou o cargo de Ministra dos Direitos Humanos.

“Essa não é a primeira vez que a petista tenta utilizar o Bolsa Família de forma eleitoreira. Comportamentos irresponsáveis como esses, quando não vêm do PT, vêm de seus aliados”, reclamam os tucanos. A coligação tucana disse na nota que reafirmava o compromisso de Aécio Neves com os beneficiários do Bolsa Família e com o programa, que seria transformado em política de Estado.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: