DO faz promoção pessoal de Eduardo, diz a Folha

FOLHA DE S.PAULO – DANIELA LIMA 

 ”O governador sempre ouve e, mais do que isso, se engaja na nossa luta. São fantásticas as ações que estão sendo tomadas’. A frase, atribuída a um ciclista de Recife, aparece em um dos três textos publicados no ‘Diário Oficial’ de Pernambuco do último dia 19 que destacam atos de Eduardo Campos (PSB).

Vedado pela Constituição, o elogio ao governador no DO não é caso isolado. Levantamento feito pela Folha de S.Paulo mostra que Campos, potencial candidato do PSB à Presidência, aparece na capa de 47 das 58 edições do ‘Diário Oficial’ do Estado editadas de janeiro a março deste ano.

‘A opção editorial do DO tem dado ênfase a fatos e imagens do governador. Isso não é ilícito por si só, dada a função da autoridade’, avalia o presidente da Sociedade Brasileira de Direito Público, Carlos Ari. ‘Mas, na edição do dia 19 de março, houve claro excesso. Há texto de promoção pessoal, sem caráter informativo’, conclui, numa referência ao relato do elogio feito pelo ciclista a Campos.

Só nas 20 edições do mês de março, foram publicadas 33 fotos de Campos. O volume é superior ao dos governadores dos três maiores Estados do Sudeste. Foram examinados os DOs de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais no mesmo período. De janeiro a março do ano passado, Campos esteve na capa do DO em 47 das 62 edições (76%). Foi mencionado pelo primeiro nome, ‘Eduardo’, 229 vezes. No mesmo período deste ano foram 297.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.