Deixe um comentário

Indústria de Pernambuco fatura 3,8% menos em 2012 Fiepe mostra construção com lucro alto, enquanto empresas já em funcionamento com fortes quedas

A indústria da transformação de Pernambuco está longe do faturamento alto dos megacanteiros de obras. Na verdade, enquanto a construção civil e pesada estão a todo vapor, as empresas já em funcionamento (como fábricas de itens alimentícios, por exemplo) acumularam uma queda de 3,8% no faturamento em 2012, de acordo com pesquisada da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe).

A pesquisa Indicadores Industriais da Fiepe mostra como 2012 foi ruim para o setor. A massa salarial, o total das folhas de pagamento, subiu 12,9%, algo bom para os trabalhadores. Mas que para as empresas significa um aperto no cintos, já que elas faturaram menos, reduziram em 2% o número de empregos e ainda registraram uma queda de 6,7% nas horas de produção.

Por setores, a maior queda veio ramo de produtos metálicos, uma redução de 9,9%, seguido de perto pelos alimentos e bebidas, uma baixa de 5,3%.

A principal alta veio de metalurgia básica, com crescimento de 6,5%, e de máquinas, aparelhos e materiais elétricos, com avanço de 6,1%.

Fonte: NE10

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: