Salles vira réu por mandar tirar estátua de Lamarca de parque em SP

Salles vira réu por mandar tirar estátua de Lamarca de parque em SP 21

Reprodução

O ministro Ricardo Salles (Meio Ambiente) virou réu em ação penal por crime contra o ordenamento urbano.

O caso refere-se a retirada de um busto de Carlos Lamarca (1937-1971) do Parque Estadual do Rio Turvo, em Cajati/SP, quando Salles era secretário de Meio Ambiente em São Paulo, em 2017.

A denúncia do Ministério Público foi oferecida à Justiça em 2018.

Na última segunda-feira (2), a juíza Gabriela de Oliveira Thomaze, da 1ª Vara Criminal de Jacupiranga, aceitou a peça processual contra o hoje ministro do Meio Ambiente.

Segundo o MP, Salles não tinha autoridade para mandar remover o busto e os painéis do terrorista, uma vez que a instalação das peças havia sido autorizada e decidida pelo conselho gestor do parque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *