Lobão diz que vai embora. Se Dilma ganhar a eleição

 Lobão, que diz que cogita até deixar o Brasil caso Dilma se reeleja, afirmava querer só um lugar onde possa ‘continuar fazendo música e escrevendo’, revela Mônica Bergamo, na sua coluna de hoje, na Folha de S.Paulo. ‘Já que, no caso, parece que não vai ficar sendo possível por aqui [se o PT vencer]. Mas estou lutando desesperadamente para que isso não aconteça.’ O cantor diz que o ‘exílio’ é ‘muito mais uma coisa dramática do que um capricho’.

Já Wagner Moura — diz ainda a colunista –, se irritou com montagem na internet sugerindo voto dele em Aécio Neves. ‘Tenho sido crítico do projeto de poder montado pelo PT, mas votar em Aécio nunca foi uma opção para mim’, diz o ator, que apoiou Marina Silva em 2010 e ‘lamenta mais uma polarização PT-PSDB no segundo turno’. O texto atribuído falsamente a ele afirma que ‘independente [sic] de aprovar Aécio ou não, votar no PT é aprovar tudo isso que eles estão fazendo. É dizer sim, podem continuar roubando’.

Deixe uma resposta