ACROBACOA PELA DEFESA DA MEMÓRIA DE UMA CIDADE

Suspensa demolição dos galpões do Cais José Estelita

 

A derrubada dos galpões do Cais José Estelita, no bairro de São José, no Centro do Recife, foi temporariamente suspensa na manhã desta quinta-feira (22). Os tratores iniciaram a demolição dos prédios na noite de ontem, mas a presença de manifestantes do grupo Direitos Urbanos instalou um impasse sobre a continuidade da obra. Eles esperam uma reunião entre representantes da construtora Moura Dubeux e da Prefeitura do Recife para resolver o futuro dos prédios do cais.

Dois policiais do Batalhão de Choque chegaram ao local por volta das 11h30, e desde então negociam a saída dos manifestantes dos limites do cais.

Oito manifestantes chegaram ontem ao local e instalaram três barracas e uma lona para acampar dentro dos muros do Cais José Estelita e tentar impedir a demolição dos galpões. Pela manhã, os tratores permaneceram desligados, apesar de a Moura Dubeux possuir o alvará que permitia a demolição.

De acordo com policiais do Choque, a presença dos manifestantes no local caracteriza invasão de propriedade privada. O efetivo alega ainda que possuem autorização para retirar as pessoas de dentro do cais.

Do lado de fora, cerca de 15 pessoas protestavam contra a demolição e pelo direito à cidade. Duas viaturas da Patrulha nos Bairros da Polícia Militar estavam no local, com 5 policiais supervisionando a manifestação. O grupo de oposição exigia a presença do secretário de Desenvolvimento e Planejamento Urbano do Recife, Antônio Alexandre, e cobravam uma reunião entre manifestantes, prefeitura, um representante do Poder Legislativo e a  Moura Dubeux.

 

fonte:JC Online.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.