Deixe um comentário

Jarbas quer compromisso contra censura à Imprensa

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) foi hoje à tribuna defender que o Senado Federal exija dos próximos candidatos a ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) o compromisso de não permitir censura à Imprensa.

“Infelizmente, a presidente da República já deu exemplos da sua postura autoritária e da sua falta de apreço pelas críticas e questionamentos. O Partido dos Trabalhadores também sinalizou claramente que pretende implantar medidas de cunho bolivariano contra a Imprensa, copiando o que de pior surgiu na América Latina, nas últimas décadas”, disse Jarbas.

No seu segundo mandato, até 2018, a Dilma deve escolher mais cinco ministros do STF, por causa da aposentadoria de parte dos atuais ocupantes do Pleno do Supremo.

Jarbas Vasconcelos observou que é “inadmissível” que o Senado aprove novos ministros do Supremo Tribunal Federal que venham a colaborar com o cerceamento da liberdade de Imprensa. “Essa questão precisa ser tratada com absoluta transparência e objetividade. É essencial que se faça essa cobrança durante a tradicional sabatina na Comissão de Constituição e Justiça”.

O senador criticou o ex-presidente Lula, que em comício, no último dia 21, em São Paulo, criticou nominalmente os jornalistas William Bonner, da “TV Globo”, e Miriam Leitão, colunista de “O Globo” e comentarista da “Globo News”. “Esse comportamento cria um clima de “caça às bruxas”, uma violência que sai do terreno da mera verborragia palanqueira para a agressão física”, afirmou Jarbas Vasconcelos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: