Deixe um comentário

Foi o mordomo: governo joga o desgaste em quem sai

 A avaliação feita na cúpula do PT e no círculo próximo à presidente Dilma Rousseff é de que o melhor é concentrar neste fim de ano todas ou pelo menos a maioria das medidas impopulares ou que possam provocar algum tipo de repercussão negativa, avalia Clarissa Oliveira no Blog Poder Online. Assim, — diz a colunista –, o desgaste de medidas impopulares recai nos ministros que estão de saída e não em novos integrantes da Esplanada.

Um exemplo citado é o reajuste da gasolina, que recebeu ontem aval do governo, restando apenas definir valor e data. Além de outras medidas na área econômica.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: