Aecistas querem chegar ao PSB pela família Campos

Os aecistas já contam com o apoio do PSB em São Paulo, devido à ligação com Geraldo Alckmin. Agora o alvo principal será o Nordeste, região em que Aécio tem seu pior desempenho, com 14% dos votos válidos.  O foco da ofensiva tucana será Pernambuco, onde o PSB deve eleger Paulo Câmara no primeiro turno. Aécio tentará o apoio da família de Eduardo Campos. Pelo Datafolha, o tucano tem apenas 6% dos votos válidos no Recife. A avaliação é de Bernardo Mello Franco, na Folha de S.Paulo deste domingo. Diz ainda o colunista:

”O PSB não deve seguir Marina caso ela decida não apoiar ninguém, como fez o PV em 2010. ‘Não temos a tradição de ficar em cima do muro’, diz o presidente Roberto Amaral. Ele é amigo de Lula e próximo ao PT.  

Walter Feldman diz acreditar em uma ‘última onda silenciosa de consciência’ pró-Marina. ‘Foi a campanha do medo, do terror e da mentira. Mesmo assim, chegamos vivos’, diz.  O marineiro Pedro Ivo Batista também aposta em uma reação. ‘O eleitor de Marina não é de pesquisa, é de urna’, arrisca.”

Deixe uma resposta