Deixe um comentário

Mesmo com denúncias, Eduardo Alves é eleito presidente da Câmara dos Deputados

 (Agência Câmara)

As denúncias de beneficiamento de assessores com verbas públicas não foram suficientes para evitar a vitória do peemedebista Henrique Eduardo Alves (RN) na disputa pela presidência da Câmara dos Deputados ainda no primeiro turno. Ele conseguiu 271 votos, contra 165 de Júlio Delgado (PSB-MG), 47 de Rose de Freitas (PMDB-ES) e 11 de Chico Alencar (PSOL-RJ). Com a vitória, o PMDB vai comandar as duas casas no Congresso, já que elegeu Renan Calheiros (AL) na última sexta-feira para o Senado, em uma disputa também repleta de denúncias. 

Eduardo Alves é o líder em mandatos consecutivos na Câmara dos Deputados. Ele tem 11 ininterruptos e está na casa há 42 anos. Ao todo, 497 dos 513 deputados participaram da votação. Três deputados votaram em branco. O peemedebista chega ao poder com o apoio da presidente Dilma Rousseff (PT) e da maioria dos partidos, inclusive da oposição. Durante a campanha, Alves foi alvo de várias denúncias. O principal adversários, Júlio Delgado, chegou a alertar os colegas sobre o perigo de o PMDB comandar as duas casas legislativas.

Fonte: diariodepernambuco

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: