Professores do Recife terão internet móvel 4G

Um mimo como a internet 4G não resolverá os graves problemas da educação no Recife,que vão das péssimas estruturas das escolas à falta de cursos para elevar o desenvolvimento da formação dos professores.O ensino no Recife estagnou,todos os índices apontam para um período longo de abandono e de falta de planejamento.

Um mês depois de aportar no Recife, a tecnologia 4G chegou aos professores da rede municipal de ensino da capital pernambucana. O prefeito Geraldo Julio (PSB) assinou ontem (20), em seu gabinete, o termo aditivo do contrato que garante modem da operadora Vivo para 4.800 docentes que já possuem notebooks fornecidos pela Secretaria Municipal de Educação. Isso significa que os equipamentos que possibilitam a conexão 3G serão substituídos pelos da quarta geração da internet móvel.

A mensalidade do plano de dados continuará a custar R$ 49,90, dos quais metade é bancada pela Secretaria de Educação e metade pelo próprio professor, com desconto em folha. Por outro lado, o preço praticado no mercado gira em torno dos R$ 130, 160% a mais do que paga o município.

“A recém-chegada tecnologia 4G propicia um melhor ambiente de negócios para a cidade. Para os professores do Recife, representa melhoria para seu trabalho, com a valorização da categoria. Tudo isso sem custo adicional para a prefeitura”, destacou Geraldo. O prefeito recebeu o gerente de Divisão Corporativo da Telefônica | Vivo para Pernambuco, Paraíba e Alagoas, Luis Otávio Montibelo, para a assinatura do termo aditivo. “Essa tecnologia vai representar mais oportunidades para o professor, com mais mobilidade e menos interferência na conexão”, ressaltou Montibelo.

O contrato da PCR com a Telefônica | Vivo para oferecer internet móvel aos docentes foi firmado em 2010. Desde então, foram assinados dois termos aditivos, um a cada ano. O terceiro termo aditivo, firmado ontem por Geraldo Julio garante a substituição dos aparelhos usados atualmente pelos mais modernos. A troca também não representará custo adicional para a prefeitura.

Os professores concursados recém-nomeados ainda receberão seus notebooks, o que deve acontecer até o início do segundo semestre letivo de 2013. A Secretaria de Educação aguarda a publicação de ata de registro de preços do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para aderir à compra dos equipamentos. Assim que tiverem os computadores em mãos, cada um desses docentes terá seu modem 4G.

Deixe uma resposta