Deixe um comentário

Júlia Abs,Dança contemporânea – Noções do movimento

                                               
O curso oferece uma proposta para estudos do movimento dançado a partir de uma articulação artística e pedagógica.
Captura de Tela 2013-03-11 às 20.53.06

Em São Paulo

De 2 de abril a 25 de junho
Horários:
Terças, das 10h às 11h30

Inscrições: até 02 de abril

Opções:

Parcelado em 3x de

Valor: 160,00

Desconto à vista

Valor: 420,00

O curso de dança contemporânea irá correlacionar aspectos técnicos, expressivos, estéticos e analíticos do movimento, tendo como foco o corpo e o gesto na dança contemporânea, através do estudo de composições coreográficas. Também será dada atenção aos aspectos da saúde e bem estar do corpo através de práticas somáticas, alongamento e fortalecimento.

A partir da experiência da bailarina e coreógrafa Júlia Abs em sua carreira solo e com seu grupo Vitrola Quântica, do seu percurso técnico e de sua linha de pesquisa estética, as aulas serão uma amostra dessas experiências da artista da dança.

Explicitando os objetivos

Estudo do movimento

· Criar condições para o aluno vivenciar e experimentar noções de peso, tônus, fluência, dinâmicas e ritmo através do estudo do movimento.

. Estudos sobre noção de espaço: do corpo, do movimento, da arquitetura, dos objetos, planos. Algumas organizações espaciais serão ensinadas assim como em improvisações os estudos sobre o espaço se tornam mais complexos.

. Estudo de quedas parciais ou totais, do corpo em relação ao solo. Fortalecer o corpo para movimentos mais vigorosos. Explorar o movimento em diferentes espaços (planos e níveis) e em diferentes tempos.

Composição coreográfica

· Introduzir seqüências coreográficas que envolvam saltos, corridas e quedas, além de trabalhar com a percepção e escuta em grupo através do estado de urgência do movimento (prontidão do movimento).

· Através do movimento o aluno deve perceber a estrutura do seu corpo no espaço e ter consciência da relação que estabelece com outros corpos.

Sobre Júlia Abs

Iniciou sua carreira como atriz, tendo ganho prêmios de atuação (Cultura Inglesa Festival,1999). Atuou em curta-metragem, She’s Lost Control e Porn Karaokê (mostra paralela do Festival de Veneza 2012, Festival de Curtas de São Paulo 2012), dirigido pelo cineasta Daniel Augusto, prêmio Festival Cultura Inglesa 2009 e Fomento ao Cinema 2010.

É bailarina e coreógrafa. Formou-se em 2006 pela Universidade Anhembi Morumbi no curso de Dança. Desde 2007 dirige e atua no seu grupo de pesquisa e produção em dança, Vitrola Quântica. Sua formação passa por cursos de dança clássica, dança moderna, nova dança e dança-teatro. Desde o início de sua trajetória artística pôde desenvolver seu próprio trabalho autoral.

Como diretora e intérprete-criadora atua em sua própria Cia. Vitrola Quântica desde 2005 nos espetáculos: Via F5, dirigido por Mariana Muniz apresentado em SESCs, e duas temporadas 2006/2007 no Teatro Fábrica; em Desosso o osso e (flutuo) fruto do Prêmio de Dança Funarte Klauss Vianna 2007, temporada no SESC Av. Paulista; dirigiu seu primeiro espetáculo de dança aos 25 anos e foi intérprete do mesmo espetáculo She’s Lost Control, selecionado pela Vª Edição do Fomento à Dança da cidade de São Paulo, em 2009.

Em 2009 a Cia. Vitrola Quântica foi agraciada com dois projetos de circulação, 7ª edição do fomento à dança com o projeto “Corpo Underground” e pelo Proac nº 17 – Difusão e Circulação em Dança com o espetáculo “Desosso o osso e (flutuo)”.

Como pesquisadora iniciou-se na universidade tendo recebido uma bolsa de iniciação científica para desenvolver pesquisa sobre a dança-teatro de Pina Bausch e seu nome está registrado no currículo lates. Nos anos de 2009/2010 recebeu uma bolsa de pesquisa do Instituto Itaú Cultural pelo programa Rumos Dança para desenvolver pesquisa de linguagem a partir das relações entre dança contemporânea e moda.

No ano de 2011 estreou o novo trabalho da Cia. Vitrola Quântica, DARKLAND, no Sescs – Sorocaba, Ipiranga e Pompéia – tendo feito temporada de apresentações de dois meses.

Júlia Abs

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: