PALESTRA VAI QUESTIONAR CONCEITOS HISTÓRICOS TRADICIONAIS

O historiador e acadêmico José Nivaldo Junior é o conferencista do 420o Seminário de Tropicologia, o mais importante fórum de debates sobre os problemas regionais, fundado por GIlberto Freyre em 1967.

A sessão acontece nesta terça-feira, 24 de setembro, no Campus Casa Forte da Fundação Joaquim Nabuco.

O tema da palestra é instigante:”O berço do açúcar. A montagem em Pernambuco do mais avançado núcleo produtivo do mundo no século XVI.”

Resultado de imagem para o berço da cana de açucar

Segundo antecipou ao blog com exclusividade o palestrante pretende questionar alguns conceitos consagrados na historiografia tradicional e desafiar o que identifica como preconceitos remanescentes que ainda encontram eco nas escolas e em grande parte da sociedade.

“Pretendo demonstrar, sem margem para nenhuma dúvida, que no século XVI os portugueses eram o povo mais preparado para comandar a colonização tropical. Nenhum outro povo tinha nada a acrescentar dos pontos de vista da técnica, do modelo e da organização social”, disse como aperitivo dos temas polêmicos que pretende abordar.

O acesso é franqueado ao público, notadamente a professores e estudantes, aos quais serão conferidas declarações de presença.

A palestra, prevista para começar logo após as 14h30 será transmitida ao vivo através do Facebook do palestrante.

Resultado de imagem para o berço da cana de açucar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.