Ex-deputado Betinho Gomes condenado pela Justiça a pagar cheque sem fundos

Contra Elias Gomes, a Gráfica Flamar que é de propriedade do mesmo autor da ação em face de Betinho, cobra mais de 900 mil reais por suposto calote.

Cheque

O juízo da 4a Vara Cível de Jaboatão dos Guararapes condenou o ex-deputado federal Betinho Gomes (PSDB) a pagar o cheque sem fundos de R$ 345 mil reais, atualizados desde a data da primeira devolução do cheque, que atualizado custará mais de 1 milhão de reais. Betinho responde a uma ação monitória (cobrança) que tramita sob o n. 0025408-53.2014.8.17.0810, cujo autor é a Gráfica Flamar e seu proprietário Roberto Leite.

Entenda o caso: nas eleições de 2010, o então Deputado Estadual Betinho Gomes passou um cheque de sua campanha eleitoral(ver cópia anexa) e trocou por dinheiro omitindo nas suas prestações de contas, o que também resultou noutro processo por crime eleitoral. Na mesma Vara também tramita uma ação idêntica contra o pai de Betinho, o ex-prefeito Elias Gomes, conforme vê-se abaixo:

Processo n. 0018870-89.2013.8.17.0810
1º GRAU – Físico
Quarta Vara Cível da Comarca de Jaboatão dos Guararapes
Monitória
Réu: ELIAS GOMES DA SILVA.

Contra Elias Gomes, a Gráfica Flamar que é de propriedade do mesmo autor da ação em face de Betinho, cobra mais de 900 mil reais por suposto calote.

O processo de Elias Gomes encontra-se na fase das razões finais e em breve também será sentenciado.

https://srv01.tjpe.jus.br/consultaprocessualunificada/processo/00254085220148170810

fonte:Portal de Prefeitura

Deixe uma resposta