Voluntários unidos em prol do Capibaribe

Cerca de 20 voluntários estiveram reunidos próximos ao Pier da Rua da Aurora, e retiraram itens como isopor, garrafas plásticas e até bolsas da área do manguezal

Cerca de 20 voluntários estiveram na Rua da Aurora

Cerca de 20 voluntários estiveram na Rua da AuroraFoto: José Britto/Folha de Pernambuco

Nem a chuva impediu. Na manhã deste domingo, voluntários do coletivo Pró-Capibaribe, com apoio do vereador Rodrigo Coutinho (Solidariedade), estiveram na rua do Aurora para coletagem de lixo da área de mangue. A iniciativa é a primeira de muitas previstas para ajudar na recuperação do Rio Capibaribe.

Cerca de 20 voluntários estiveram reunidos próximos ao Pier da Rua da Aurora, e retiraram itens como isopor, garrafas plásticas e até bolsas da área do manguezal. A ação foi organizada em conjunto com o vereador Rodrigo Coutinho, que doou sacos de lixo, luvas e água para os voluntários, além de ter participado da ação. Ele comenta sobre o impacto de atividades como esta em Recife. “Visamos conscientizar as pessoas da importância da cidadania mesmo”, diz. “O mutirão é um caminho que abraça tanto a prática da educação ambiental quanto a mudança de uma parte da paisagem do Rio”, completa.

Fernanda Morais, consultora de marketing e voluntária do projeto, ficou sabendo da atividade através das redes sociais. Ela conta sobre o quão importante é participar de ações que auxiliem o meio ambiente. Tem muitas pessoas que não ajudam ou continuam a jogar lixo de maneira errada porque acha que o outro também não vai fazer nada”, critica Fernanda. “A gente precisa se movimentar de alguma forma para fazer a diferença no mundo”, completa.

O grande problema do descarte de resíduos sólidos no Brasil também se replica no Recife: apenas 2% do que é produzido na capital pernambucana vira matéria-prima reciclável, de acordo com a Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana (Emlurb).

Próximos passos

A ação do último domingo foi apenas a primeira do Pró-Capibaribe. O grupo estima que serão feitas pelo menos uma atividade por mês, sempre visando a melhoria na qualidade do rio. Quem quiser participar, pode entrar em contato através das redes sociais (@procapibaribe).

Deixe uma resposta