Ministra da Agricultura organiza um jantar de embaixadores árabes com Bolsonaro

Resultado de imagem para tereza cristina ministra

Ministra da Agricultura quer proteger os exportações brasileiros

Ricardo Della Coletta
Folha

Preocupada com o impacto que a aproximação do governo Jair Bolsonaro com Israel pode ter sobre as exportações brasileiras, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, planeja organizar um jantar com dezenas de embaixadores de países árabes e de expressiva população islâmica. Interlocutores nas embaixadas e no Ministério da Agricultura afirmaram à Folha que a agenda está sendo preparada para 10 de abril, uma semana depois do retorno de Bolsonaro de sua visita oficial a Israel.

O objetivo é “contrabalançar” a viagem do presidente a Israel e contornar o mal-estar que a nova política de alinhamento do Brasil aos israelenses nas questões do Oriente Médio tem causado nesses países.

EXPORTAÇÕES –Entre as embaixadas convidadas há parceiros comerciais importantes, como Egito e Arábia Saudita, além de diplomatas de Marrocos, Líbano, Síria, Nigéria, Turquia, Malásia e Indonésia, entre outros.

A ministra da Agricultura está preocupada que esse novo alinhamento com Israel afete as exportações de proteína animal brasileira para os países árabes. O Brasil é o maior exportador mundial de carne halal, em que os animais são abatidos seguindo preceitos da religião muçulmana.

Em 2018, o país registrou receita de US$ 6 bilhões com a exportação de carne de frango, sendo que 37,2% do montante foi vendido para países árabes. Essas nações também compraram US$ 1,1 bilhão em carne bovina do Brasil no ano passado.

Desde que assumiu o ministério, Tereza Cristina tem recebido embaixadores do mundo árabe e representantes de entidades internacionais que têm afirmado à ministra que a nova postura do Palácio do Planalto em relação ao conflito entre israelenses e palestinos pode gerar perdas comerciais para o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *