Morre Stan Lee, criador de grandes super-heróis

Morre Stan Lee, criador de grandes super-heróis

O cartunista Stan Lee, uma das maiores lendas da indústria de quadrinhos e criador de boa parte dos personagens da Marvel Comics, faleceu aos 95 anos.

Nascido Stanley Martin Lieber em 28 de dezembro de 1922, começou a trabalhar para a Timely Comics em 1939 como assistente.

Lee então começou a escrever e criar personagens na década de 1940, mas faria sua maior marca na indústria na década de 1960, quando a Timely Comics se rebatizou como Marvel Comics.

O primeiro livro que eles co-criaram foi o Quarteto Fantástico. Após o sucesso imediato desse título, Lee e Kirby, seu sócio, continuaram a criar outros personagens e equipes como Hulk, Thor, Iron Man e X-Men.

Lee também trabalharia com criadores como Bill Everett para criar o Demolidor, e o Doctor Strange foi um produto de uma colaboração entre Lee e Steve Ditko.

Ele parou de escrever títulos em 1972 quando assumiu o papel de editor na Marvel Comics.

Em 1981, mudou-se para a Califórnia para supervisionar os novos empreendimentos da Marvel como Marvel TV, o que levou a séries animadas, como Homem-Aranha e Seus Amigos Incríveis. Lee atuou como o narrador da série.

Após seu tempo na Marvel, ele criou empresas como a Stan Lee Media e a POW! Entretenimento. Ele se reuniu com a Marvel ao longo dos anos e começou uma longa série de aparições em séries de televisão da Marvel e filmes que aparecem como personagens aleatórios de fundo.

Lee casou com sua esposa, Joan Clayton Boocock, em 5 de dezembro de 1947, e o casal permaneceu casado até a morte dela em 6 de julho de 2017, aos 95 anos.

Lee deixa duas filhas, Joan Celia Lee e Jan Lee.

Deixe uma resposta