A escola pública não mais ensina nem educa, e a culpa não é dos professores

Resultado de imagem para escola publica charges

Charge do Ivan Cabral (ivancabral.com)

Antonio Henrique Dantas SiIva

Há algum tempo relatei em comentários a história de como o governo baiano estava desmontando a rede pública de escolas, a começar pelo ensino noturno, onde boa parcela dos jovens que trabalham encontravam uma maneira de estudar para concluir o ensino médio, muitos o fizeram e estão a concluir suas graduações. Nosso amigo Antonio Fallavena está a se arrepender de não ter sido professor, porque não sabe o verdadeiro calvário que é essa profissão.

Estou nessa lida há cerca de 18 anos, tenho visto de tudo, hoje trabalhamos nas piores condições, os professores são o saco de pancadas da sociedade, chegamos onde chegamos por omissão nossa, pois a maioria dos professores só se manifestam quando o inevitável lhes bate à porta.

QUEM SE IMPORTA? – Na época que lutávamos para manter o noturno em funcionamento, a maioria dos colegas sequer se importavam, não eram eles os prejudicados, temos colegas que passam semanas ou meses sem ministrar uma só aula, conseguem atestados médicos que junto com a conivência de diretores vão empurrando com a barriga.

Por outro lado, com as vantagens dadas aos alunos de serem aprovados a qualquer custo, pois somos ameaçados pelas “pedagogas” da Secretaria de Educação de que seremos responsabilizados pelos altos índices de reprovação, os pais são outra parte omissa, usam a escola como um depósito para seus filhos cheios de problemas.

Enfim, a escola pública hoje, não educa e nem ensina, se transformou numa creche para crianças e adolescentes filhos da irresponsabilidade, temos alunos que estudam na mesma unidade há anos, e aprontando toda sorte de delitos, desde a agressão aos professores até a destruição do patrimônio, sem que seus pais ou tutores apareçam na escola, todos os envolvidos esperam que as desgraças como a malfadada reforma do ensino médio aconteça para os outros.

O QUE É LDB? – Pode-se acreditar mesmo que os pais, alunos e mesmo professores estão ligando para o que diz a LDB (Lei De Diretrizes e Bases)? Para muitos, é alguma sigla de algum partido político…

A escola só vai mudar para melhor no dia em que a sociedade também mudar, enquanto isso nós, professores, vamos continuar como a classe dos sem classe, servindo apenas como bode expiatório para quando algo der errado na sociedade, pois sempre seremos os culpados do fraco rendimento dos alunos.

Não tenho esperança alguma que algum dia ou em alguma era geológica os professores sejam valorizados!

Deixe uma resposta