Denúncia do PT imita o PDSB em 2014 e não mudará o resultado das eleições

Resultado de imagem para fake news charges

Charge do Rico (Arquivo Google)

Merval Pereira
O Globo

“Interessante ver que o PT, que quer anular a eleição devido a abuso de poder econômico, é o mesmo partido que foi acusado de crime semelhante na eleição de Dilma em 2014. Apesar do ‘excesso de provas’, como definiu o relator Herman Benjamin, a chapa Dilma/Temer foi absolvida no Tribunal Superior Eleitoral, e é difícil imaginar que agora, a poucos dias da eleição, o tribunal vá tomar alguma decisão que altere a disputa presidencial.

O que vai acontecer é que o PT fará a mesma coisa que o PSDB fez, isto é, continuar com o processo no TSE pedindo a anulação do pleito depois das eleições. Quando o PSDB fez isso, foi acusado de não ter aceitado o resultado, uma atitude antidemocrática.

Agora, que está se aproximando a hora das urnas, e as pesquisas mostram uma grande vantagem de Bolsonaro, os petistas tentam criar uma onda de indignação sobre um assunto que precisa de uma ampla investigação antes de qualquer atitude do TSE.

Deixe uma resposta