Apreensivo, banqueiro diz que Bolsonaro pode ser eleito tipo Lula em 2002

Resultado de imagem para bolsonaro presidente charges

Bolsonaro está conquistando votos em redutos do PT

Vicente Nunes
Correio Braziliense

Um dos mais representativos banqueiros do país acredita que a onda Bolsonaro nas eleições está cada vez mais parecida com a que elegeu Lula em 2002. Desta vez, porém, o movimento não é de esperança, mas de repúdio a tudo o que se viu nos últimos anos, de corrupção, desmandos e degradação da imagem dos políticos. “O país cometerá um grande erro”, diz.

Para esse banqueiro, a sensação que se tem é de que, quanto mais Bolsonaro apanhar dos concorrentes e da mídia, mais ele vai crescer nas pesquisas de intenção de votos. “Não duvido da possibilidade de Bolsonaro ser eleito no primeiro turno. Nossas pesquisas internas mostram um apoio enorme a ele nas periferias das grandes cidades”, afirma.

DESDENHARAM – Na avaliação do banqueiro, faltou visão estratégica dos candidatos mais moderados, comprometidos com um ajuste fiscal e com reformas como a da Previdência Social. “Ficou todo mundo olhando para o próprio umbigo, desdenhando da candidatura de Bolsonaro. Agora, acordaram para o perigo que o capitão do Exército se transformou. Tomara não seja tarde para combatê-lo”, ressalta.

Esta semana será marcada por grande tensão, que começou neste domingo (10/06), com a divulgação de novas pesquisas eleitorais pelo Datafolha e passará pela reunião do Federal Reserve (Fed), o Banco Central dos Estados Unidos, que indicará para onde vão os juros na maior economia do planeta.

Deixe uma resposta