Jucá recebe ‘zap’ dizendo que dinheiro de termoelétrica iria para seu bolso

Conversa durante votação no Senado

Senador minimizou o caso

A conversa foi fotografada durante sessão do SenadoSérgio Lima/PODER 360 – 

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (MDB-RR), foi fotografado trocando mensagens curiosas durante a sessão desta 3ª feira (20.fev.2018) que aprovou o decreto da intervenção no Rio de Janeiro. A conversa por Whatsapp foi flagrada por 1 fotógrafo do portal de notícias Metrópoles.

Na foto lê-se a seguinte mensagem enviada a Jucá: “Reunião acontecendo agora com Paulo Linhares. Ele tá dizendo que o recurso da termoelétrica vai pro teu bolso…”.O remetente está salvo no celular do senador como Marcelo Guimarães.

Pelo contexto do diálogo, Marcelo Guimarães seria o marido da prefeita de Boa Vista, capital do Estado de Jucá, Teresa Surita. Teresa também é do MDB. Mas não é possível confirmar essa informação já que outros dois políticos da Bahia também usam o mesmo nome.

Já Paulo Linhares mencionado na conversa se trata do ex-secretário estadual de Saúde de Roraima. Linhares deixou o cargo em janeiro por determinação da governadora Suely Campos que decidiu excluir pré-candidatos de sua administração.

A assessoria de imprensa do senador Romero Jucá divulgou uma nota sobre o episódio e o áudio de trecho da fala de Linhares.

“Nesta terça-feira (20), em Boa Vista – Roraima, foi realizada uma reunião entre pré-candidatos da base de apoio da Governadora Suely Campos, que também anunciou nesta data sua candidatura à reeleição.

Na referida reunião estavam presentes servidores públicos da Secretaria Estadual de Saúde.

Os pré-candidatos divulgaram informações caluniosas e mentirosas contra o senador Romero Jucá, onde fica evidente crime contra a honra do parlamentar.

Os áudios foram gravados por um participante dessa reunião que os divulgou, denunciando o crime de campanha eleitoral antecipada e se sentiu constrangido e ameaçado pelo ex-gestor da pasta da Saúde, o senhor Paulo Linhares que também é parente direto da Governadora Suely Campos.

O material ganhou rápida repercussão nas redes sociais locais, principalmente, nos grupos de WhatsApp, e foi enviado ao senador Romero Jucá para conhecimento e tomada de medidas judicias cabíveis.”

Ouça o trecho da conversa divulgado pela assessoria de Jucá:

*Este post foi atualizado para inclusão do posicionamento do senador.

PODER360

Deixe uma resposta