Deixe um comentário

Fanfarrões, os irmãos Batista podem sair livres e ricos após acordo de delação

IMG_1693.JPG

Wesley e Joesley Batista, os donos da JBS responsáveis pela delação que devastou a política brasileira nessa semana, poderão sair desse furacão não apenas ilesos, mas também mais ricos do que quando entraram. Isso porque, como informamos ontem, eles se anteciparam ao escândalo comprando uma remessa suspeita e muito alta de dólares, cientes de que no dia seguinte à delação as bolsas de valores entrariam em polvorosa.

Dito e feito.

O dólar subiu dramaticamente no dia de ontem, e a bolsa brasileira despencou. Quem apostou na moeda estrangeira se deu muito bem.

Contudo, ainda tem o fator principal: O acordo de delação feito entre os irmãos Batista e o judiciário é demasiadamente benéfico. Se tudo correr bem, eles poderão sair de tudo isso sem um arranhão. É possível, aliás, que nem cheguem a cumprir prisão de qualquer tipo, porque o judiciário levou em consideração o fato de eles terem entregue as provas voluntariamente como se isso, por si só, anulasse a cumplicidade de ambos nos crimes cometidos.

Vale reforçar, ainda, que tudo isso só foi possível graças a uma “pegadinha” pregada pela imprensa, que praticou as famigeradas fake news ao insinuarem que o conteúdo das gravações destruiria Michel Temer, quando na verdade eram áudios totalmente inconclusivos e com péssima qualidade – e que agora estão sob suspeita de terem sido editados, o que a Polícia Federal já está inclusive investigando.

Fonte: Jornal Livre

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: